Lucro da Cisco supera estimativas, mas incertezas persistem

Tempo de leitura: 1 minuto

O resultado trimestral da Cisco superou as estimativas do mercado, aliviando parte das preocupações sobre os gastos mundiais em tecnologia mesmo com a contínua incerteza sobre a capacidade da fabricante de equipamentos para redes de lidar com a fraqueza econômica.

Porém, a companhia -cujo presidente-executivo, John Chambers, surpreendeu investidores no ano passado ao admitir que havia “deixado de caminhar na direção correta” – previu uma alta de 2% a 5% na receita do quarto trimestre fiscal.

Isso representaria um faturamento de US$ 11,4 bilhões a US$ 11,8 bilhões no trimestre corrente, abaixo da média das previsões de Wall Street de US$ 12 bilhões.

A Cisco também espera lucro por ação excluindo itens de US$ 0,44 a US$ 0,46 por ação no trimestre que termina em julho, enquanto analistas esperavam US$ 0,49 por ação.

No último trimestre, a receita total subiu 6,6%, para US$ 11,59 bilhões, comparado às estimativas do mercado de US$ 11,58 bilhões, disse a empresa nesta quarta-feira. A receita em seus negócios principais cresceu 5%.

Mas na Europa, no Oriente Médio e na África, a receita subiu moderados 4,6%, enquanto nos Estados Unidos avançou ainda menos, 3,2%, na comparação anual.

O lucro trimestral antes de itens extraordinários foi de US$ 0,48 por ação, ante projeção média de analistas de US$ 0,47 por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

*Com informações do site G1

Sobre Marcelo B do Nascimento

Cofundador da DlteC do Brasil e 7Bit Tecnologia, graduado em Engenharia Eletrônica/Telecomunicações pela UTFPR e pós-graduado em Redes e Sistemas Distribuídos pela PUC-PR. Trabalha na área de Tecnologia da Informação e Telecomunicações desde 1996. Certificado ITIL Foundations, CCNA Routing & Switching, CCNA Voice, CCNA Security e CCNP Routing & Switching.